Crianças participam da comemoração do Dia do Folclore

15:09 Simone Bello 0 Comentários

Nesta quarta-feira, 22 de agosto, o Brasil comemora o Dia do Folclore. Por isso, muitas escolas estão aproveitando a data para reforçar a importância do aprendizado através da cultura, resgatando músicas, lendas e costumes do povo brasileiro. Tistu, Lumen e Sonho Meu são algumas dessas instituições de ensino que apostaram em uma proposta que leva o encanto do Bumba-meu-boi e a alegria dos ritmos brasileiros às crianças da Educação Infantil e Ensino Fundamental: os espetáculos Tabuleiro de Ritmos e Meu Boi Estrela, realizados pela Parabolé – Educação e Cultura.

Para Nélio Spréa, arte-educador e coordenador pedagógico da Parabolé, as datas comemorativas podem servir como um marco da implantação de novos projetos. “Servem como uma referência aos alunos. As datas ajudam didaticamente porque, ao dizermos ‘amanhã é o dia do folclore’ e nos prepararmos para o evento, concretizamos algo que é muito abstrato, afinal o que é folclore? É preciso que o aluno vivencie algo relacionado ao conceito e experimente as possibilidades lúdicas, sociais e afetivas que a assimilação dos saberes tradicionais provoca”. As duas apresentações têm esse objetivo, fomentando a musicalidade, a brincadeira com o boi e a interação.

Spréa explica que as diretrizes educacionais estão incorporando a ideia de valorização da brasilidade. “Vemos uma expansão de conteúdos obrigatórios na grade curricular que evocam as diferenças culturais, os regionalismos e colocam os profissionais da escola diante dessa nova necessidade de afirmação de nossas raízes culturais”. É o que faz a Escola Tistu, que coloca em prática essa proposta. Para a diretora pedagógica, Sandra Lopes Machado, a música precisa estar presente na educação dos alunos. “Não somente pelo espetáculo musical, mas sim pela atividade contextualizada e interativa, na qual a criança aprende brincando”. Ela afirma que é preciso mergulhar nos ritmos e nas lendas do folclore. “Procuramos dar um significado às datas comemorativas, proporcionando novos elementos culturais às crianças. Por isso, aproveitamos essas datas como gancho, para ir além. E o Tabuleiro de Ritmos vem somar às nossas atividades que permeiam o currículo escolar durante todo o ano”.

Com o Meu Boi Estrela e o Tabuleiro de Ritmos, além de outros projetos desenvolvidos pela Parabolé, a escola têm a oportunidade de oferecer aos alunos o acesso a uma estética artística diferenciada, com seus sotaques, regionalismos, estilos e gêneros.

Tabuleiro de Ritmos
Um concerto musical inspirado no caráter festivo da música tradicional do Brasil. A partir de uma abordagem lúdica, as crianças têm acesso ao conhecimento sobre diferentes origens musicais e instrumentos artesanais típicos dessas manifestações. O Tabuleiro proporciona aos alunos vivenciar situações musicais durante a apresentação, por meio da interação de sons produzidos com o próprio corpo e de refrões de simples assimilação.

Meu Boi Estrela
A apresentação é uma síntese entre o mineiro Boi de Reis e o catarinense Boi de Mamão. A história diverte a plateia com seus personagens, que marcam o imaginário, como o Coronel Lourenço, Pai Francisco, Catarina, os vaqueiros, além dos bonecos que dão ainda mais cores e alegria ao espetáculo, como a Mulinha, Onça e o Tamanduá. Para Gisele Mantovani Pinheiro, diretora da escola Sonho Meu, o Bumba-meu-boi é uma das manifestações culturais mais significativas e marcantes do Brasil. “Muito além de mitos e lendas passados de geração para geração, acredito que este trabalho apresenta um olhar especial, pois retrata e valoriza a nossa cultura”. Para ela, o espetáculo Meu Boi Estrela deixa esse resgate ainda mais alegre. “A Parabolé une as artes visuais e a música, despertando em nossos alunos o desejo e a vontade de aprender sobre as manifestações populares do nosso país”, define Gisele.

Espetáculos

21 de agosto: Escola Sonho Meu
Meu Boi Estrela: 10h30 às 11h30
13h30 às 14h30
Rua Alberto Kosop, 781 Pinheirinho

22 de agosto: Escola Lumen
Meu Boi Estrela: 14h às 15h
15h30 às 16h30
Rua José Neves da Cunha, 250 Seminário

24 de agosto: Escola Tistu II
Tabuleiro de Ritmos: 14h às 15h
15h15 às 16h15
Rua Doutor Alexandre Gutierrez, 150 Água Verde

Fonte: Jornalistas Brisa Teixeira e Patrícia Mello

Você também pode gostar de:

0 comentários: